Asbel

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Asbel

Mensagem por Asbel Marafela em Ter 6 Out 2015 - 22:45

Nome do Personagem: Asbel Marafela

Raça: Drow 

Classe: Lutador   

Nível do Personagem: 1

Idade Real/Idade Aparente: 105/20, young-adult.

Altura: 1,81

Peso: 82kg

Experiência: 30/100



Características Físicas: Possui uma cor um tanto quanto incomum entre o espectro de cores dos Drow, que no caso, é o marrom, a cor de sua pele. Suas orelhas, não seguem o padrão de seu povo, que costuma ser longo e pontudo. O dela é só simplesmente pontudo, e com pouca extensão para trás ou para qualquer direção. Costuma usar uma espécie de roupa para deixá-la mais solta no combate, não sendo muito diferente de um vestido com mais algum poucas peças junto de uma sandália básica.



Personalidade: Diferente das pessoas de sua raça, possui uma personalidade bondosa, ingênua, atrapalhada, e também é uma ótima amiga, leal até o fim. Mas, apesar de tudo, raramente deixa transparecer algum sentimento. Pode ser por que ela é um tanto quanto tímida, mas, quando é para ser séria, ela também sabe ser.





HISTÓRIA:

Talvez, por ter nascido tão bondosa, esse tenha sido seu principal problema de infância.



Como Drows não costumam ter muitas relações, e ela criava-as muito facilmente, sempre acabava se machucando eventualmente por causa de algum coleguinha. Muitas vezes seus pais foram xingados porque "não sabiam como criar um Drow", mas, não era questão de criação. Ela já tinha nascido daquele jeito. Julgue como deficiência ou o que quiser para um Drow, mas, ela nunca, em momento algum, deixou de se orgulhar de seu jeito de viver, e de seu jeito de ser.



Criada em uma família de lutadores, a única na caverna que vivia, disciplina era o que não podia faltar. Treinava por incontáveis horas com tijolos de argila, ou simplesmente escalando pedregulhos, que haviam ali na caverna mesmo, tudo orientado por seu pai. Sua mãe estava mais para algum tipo de esposa feita só para tratar de assuntos relacionados à casa. Ambos pai e mãe não possuíam tanto amor assim por sua filha, o que fez a pobre coitada carregar alguns pequenos traumas. Seu pai, todos os dias, fazia questão de que ela atingisse uma parede sólida de pedra ao menos 100 vezes por dia. Isso quando ela ainda era criança, lá pelos 7, 8 anos. Como resultado, vários dedos quebrados, mas, ao invés de se regenerarem e voltarem mais fracos toda vez que se quebrassem, eles se fortaleciam. Talvez essa era a tática de seu pai. Força através da dor, coisa que a garota havia aprendido, mas ainda assim não gostava.



Na sua adolescência, teve seu primeiro duelo. Fora uma de suas "amiguinhas" de treino. Após o treino com o pai, Asbel treinava todos os dias junto com a garota. Asbel treinava porque gostava da garota como amiga, já a garota... só treinava pelo interesse de ficar mais forte, e, por incrível que pareça, Asbel venceu o duelo mesmo assim. Chame do que quiser. Se você acha que "o poder da amizade" supera tudo, ele não supera. Asbel, infelizmente, ao vencer o duelo, teve de... "sacrificar" sua amiguinha, para não falar uma palavra mais forte. O ancião da caverna julgou que a perdedora não estava apta à viver, e essa foi a ordem que lhe foi dada. Asbel, com desgosto, o fez. Com as próprias mãos, estrangulou uma garota que considerava sua melhor amiga. Por incrível que pareça, sua amiga morreu com um sorriso no rosto. Provavelmente era porque, os Drows daquela caverna cultuavam a ideia de que se você morresse no seu primeiro duelo, por ser fraco demais, na próxima vida reencarnaria como um herói/heroína. 



Agora você se pergunta: por que Asbel o fez, quando ela simplesmente podia ter negado o pedido do Ancião? Ela não podia simplesmente ter fugido da caverna? A resposta para à pergunta é que ela não tinha para onde ir, muito menos sabia viver por si própria, e se negasse o pedido do Ancião, ambas seriam mortas, não só uma.



Apesar desses traumas de infância, Asbel seguiu sua vida por mais várias décadas dentro daquela caverna, com sua personalidade ficando cada vez mais reclusa, passando do extrovertido para o tímido, até que fosse considerada uma grã-mestre nas artes que exercia. Não que isso significasse que para ela ser uma grã-mestre, ela precisava ser, obrigatoriamente, tímida. Ela era grã-mestre naquela caverna, mas isso não significava que ela não pudesse perder para outros grã-mestres de outras cavernas. Era tudo uma questão de localidade.




Ao sair para o exterior da caverna... não encontrou nada do que achou que encontraria. Tudo o que podia ver era um chão um pouco esverdeado, e um céu azul, com o bater de uma luz que nunca havia experimentado antes no seu corpo. Talvez ali fora, poderia conhecer pessoas novas, e que não fossem frias e insensíveis como os Drows? Pra falar a verdade, sequer tinha vontade de ver um Drow. Nunca mais queria ver um Drow na sua vida. Tinha ouvido falar sobre raças como os humanos, que amavam e também eram extrovertidas como seu antigo eu infantil. Apesar de ela não saber exatamente o significado de amar, ainda sim estava empolgada para saber como era. Não só isso como também queria saber o que era ter amigos, amigos de verdade, não parceiros de duelo onde você teria que matá-los se os derrotasse.





ATRIBUTOS:


      Força: 4           
Habilidade: 3    [+ 1]
Velocidade: 0    
Resistência: 4   
Inteligência: 0   [+ 2]
Balística: 0      


HP: 47
SP: 23






Talentos: 

- Permanecer Firme

- Esmagar

- Resistência de Guerra (bônus do mestre)



Pericias de classe:

- Pericia em combate desarmado Nv. 3


Perícias: 


- Salto Nv. 1

- Perícia em Combate Desarmado Nv. 1
- Camuflagem. Nv. 1




Vantagens Raciais:



• Vantagem Resistência superior: Trevas [2 pontos]
• Vantagem Furtividade [1 ponto]




Vantagens:

DURO DE MATAR [2 pontos]

ELOQUENTE [1 Ponto]

MESTRE [1 Ponto]

TRESPASSAR [1 ponto]



Desvantagens Raciais: 



• Desvantagem suspeito [1 ponto]
• Desvantagem Insano: Ganancioso 1
• Desvantagem Ponto fraco: Luz [3 pontos]



Desvantagens:

CORAÇÃO MOLE [-1 ponto]

CRÉDULO [-1 ponto]

Inculto [-1 ponto] 

• Perda Terrível [-1 ponto]

• Trapalhão [-1 ponto] 



Estilo de luta: 

 Taekwondo. (não sei se pode mencionar, mas, ela também usa só a palma da mão para ataques fracos, mas, no geral, é tudo com a perna.)



Movimentos do estilo de luta

-x-



Itens: Punho Congelante. 4(gelo)/2 




Magias
-x-



Resumo de Custos:


Raça: 1

Classe: 0

Talentos: 0

Atributos: 8


Vantagens: 5.

Desvantagens: 5

Movimento estilo de Luta: 0

Total de Pontos Utilizados: 19 



Última edição por Asbel Marafela em Qui 8 Out 2015 - 15:19, editado 4 vez(es) (Razão : Formatação da ficha.)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Asbel

Mensagem por Lord of Vermilion em Qua 7 Out 2015 - 21:47

Ficha aceita, 30exp por saber escrever com o português adequado. Vou editar para colocar o dano adequado da arma.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum