Ruas de Kannin

Página 9 de 9 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Ruas de Kannin

Mensagem por Convidado em Dom 1 Mar 2015 - 2:06

Sta. Raiza

Então cada um foi para seus respectivos quartos, Derik sentido que seus desejos carnais não seriam saciados esta noite, ele vai dormir fechando sua porta com toda calma. No dia seguinte a Raiza acompanhado de perto pelo rapaz vão em direção do dojo enquanto o amanhecer começava a despontar no horizonte: - Tenho certeza que vamos fazer fortuna com as joias do coroa. - Diz o rapaz enquanto se prepara para colocar o plano em ação, eles já se encontravam diante do lugar onde esta a joia que pretendem afanar.


off:
Seu proximo post sera no Dojo Estrela Dourada: http://zephyr.forumeiros.com/t1244-dojo-estrela-dourada?highlight=dojo

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas de Kannin

Mensagem por Jack, The Reaper em Qui 6 Ago 2015 - 9:50

Era noite, Makarius sempre preferia andar a noite, tanto por questão de necessidade quanto por preferência de hábitos adquiridos em sua profissão, evitando os olhares curiosos das pessoas "normais".

Estava cansado, viajando constantemente e sem encontrar um lugar que possa tentar uma vida diferente, mas a vida e o mundo fazem questão de lhe impor aquele caminho e estava cansado de lutar contra, era hora de aceitar seu destino e se fosse para seguir aquilo, então ele seria o maior de todos.

Contudo sua pernas acabaram por leva-lo a uma pobre vila, sem muito o que oferecer, vendo que havia diversos pedintes pelos cantos, então com suas roupas acabaria não chamando muito a atenção, podendo se passar por apenas mais um.

Em seu caminho, achou o que poderia ser chamado de praça, embora muito mal fosse um poste com papeis pregados. Valia a pena dar uma olhada em tais papeis, quem sabe alguma proposta mais tentadora ou que possa executar, pois logo precisaria se alimentar e um local para dormir, o que nem sempre era barato...

Caminhou com passos lentos, atento ao redor mas não como um turista perdido no vale dos ventos, longe disso, era mais como um predador a espreita, tomando conta para que oportunistas não lhe confundissem com uma presa. Olharia com atenção os papeis, quem sabe algo de util poderia estar perdido por ali...
avatar
Jack, The Reaper
Aventureiro
Aventureiro


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas de Kannin

Mensagem por Saphira Odin em Sex 7 Ago 2015 - 1:43

@ Makarius

Makarius não se preocupava em andar a noite pelas ruas da velha Kannin, para ele era melhor assim, andando pelas ruas e vendo seu pouco movimento a noite na sua maioria bêbados e meretrizes outras vezes  algum pequeno grupo cobrando suas dividas com algum caloteiro desesperado em meio aos becos, a vida era simples e bela na noite, o de melhor acontecia sempre naquele horário longe dos olhos de pessoas comuns, que acordavam e trabalhavam seguindo um ritmo simplório.

Makarius seguia seu caminho desviando dessa gente da noite, até dispensando algumas caricias das meretrizes paradas as esquinas, por fim ele chegava em um poste com uma iluminação precária nele continha os mais diversos tipos de procurados pela justiça, dependeria do ladino escolher uma simples caça ou um emprego simples.


OFF: ao post esta os cartazes de todos os procurados , assim como os empregos com vaga na vila.
Procurados
Empregos
avatar
Saphira Odin
Transcendente
Transcendente


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas de Kannin

Mensagem por Jack, The Reaper em Sex 7 Ago 2015 - 2:06

Ao se deparar com as ofertas de serviços, se segurou para não cuspir nas ofertas de "trabalho honesto" que encontrou, evitando fazer isso que estava de mascara e a sujaria atoa.

Em vez disso, se concentrou nas caçadas, seriam mais de seu ramo de atuação e saberia lidar melhor com o serviço, contudo poucas ofertas lhe davam maior liberdade de ação, pois apenas duas ali na cidade continham o final "...ou morto" em sua exigência.

Pelo valor das ofertas, pareciam ser alguns dos mais destacados, provavelmente mais procurados também, então sem duvida acabariam por lhe render uma consderavel quantia, não tanto quanto precisava, mas suficiente para os proximos dias.

Decidiu que iria começar caçando a tal Lisbra por questão dela estar ligada ao submundo, então se passassem algum tempinho "a sos" com ela, poderia obter algumas informações a respeito da mafia local e articular sua entrada no submundo da cidade...

Spoiler:
off: anuncio=
Tipo: NPC
Nome: Lisbra
Raça: Humana
Crimes cometidos: Sádica mestra de venenos, opera traficando substâncias entorpecentes e venenos para o crime organizado
Recompensa: 70 PO's
Pista: Acredita-se que more em Kannin.
Levar a: Qualquer autoridade vivo ou morto.
avatar
Jack, The Reaper
Aventureiro
Aventureiro


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas de Kannin

Mensagem por Saphira Odin em Sab 8 Ago 2015 - 12:20

@ Makarius

Makaruis pensava de forma diferente dos demais, pensava como a maioria de sua raça, aonde muitos se contentavam em apenas caça e prender um bandido ele via uma oportunidade de ampliar suas ações não somente em suas funções básicas na qual ele estava acostumado, mas sim em algo maior entrar e aprender sobre o lado sombrio que existe em Kannin.
Quando pegou o cartaz ele já pensou em encontrar a Lisbra para conseguir chegar até alguma guilda por meio da mulher, mas onde encontra-la, ele deveria ir para alguma taverna ou até mesmo perguntar aos mendigos e meretrizes da rua, afinal ambos são sempre uma ótima fonte de informações.

OFF: Você pode perguntar algo sobre a mulher para as Meretrizes na rua ou até mesmo com os vagabundos jogados pelos becos.
- se não quer falar com os vadios, poste aqui sua saída e neste link sua chegada
avatar
Saphira Odin
Transcendente
Transcendente


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas de Kannin

Mensagem por Jack, The Reaper em Sab 8 Ago 2015 - 17:38

Dando uma olhada ao redor, sabia que até poderiam ter membros de guilda no meio de tanta escoria como aquela, alguns prontos para roubar, outros para matar, mas sejam quem fossem, estavam ali, tinha que tomar um pouco de cuidado com quem exatamente se informar.

Olhou para aqueles que poderia ver naquele local, avaliando-os para escolher bem a pessoa certa para lhe dar a informação que buscava. Decidiu se arriscar com uma meretriz, uma que julgasse aparentar que utilizasse drogas, pois sabia que ela tinha um fornecedor e se fosse a fundo, talvez uma pista de seu alvo.

Decidiu se aproximar coberto pelo seu manto, para não "assusta-la" tão facilmente, embora parecesse que aquele povo pouco se importava com quem ou o que passava por ali. Devido suas limitações, iria se aproximar segurando uma moeda de ouro em sua mão esquerda, para atrair a atenção da mulher e quando ela falasse com ele, iria escrever arranhando no chão ou parede, o nome "Libras", usando os dedos de metal de sua "luva".

Caso a mulher tentasse lhe tirar o dinheiro, imediatamente fecharia o punho segurando a moeda. Ela poderia estar acompanhada, então estava atento, prestando atenção nela e ao redor, sentindo as energias a sua volta. Poderia ser que a mulher não entendesse, então acrescentaria "Onde acho" na palavra, antes de desistir dela e procurar outro que pudesse lhe dar tal informação.
avatar
Jack, The Reaper
Aventureiro
Aventureiro


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas de Kannin

Mensagem por Saphira Odin em Ter 11 Ago 2015 - 3:16

@Makarius

Makarius seguiu pelas ruelas da vila passou por entre vagabundos e bêbados, procurava alguém que lhe desse alguma informação útil, em meio a sua caminhada ele decidiu abordar uma meretriz pela aparência da mesma ele achou o que estava procurando parecia que ela era mais uma infeliz dependente usuária de substancias ilícitas, com ela ele tentou alguma comunicação, como não falava riscou a parede  "Libras" ela leu aquilo e perto dele mesmo se sentindo um pouco sem jeito pela presença do jovem, mas na sua profissão não tinhas escolhas ela, tinha que dormi com quem pagasse.

-Oi! Eu me chamo Amelia, você é mudo, eu posso te ajudar, mas antes vai ter de pagar adiantado pelos meus serviços, independente do que você quer...Sabe tempo é dinheiro.
Amelia, não sabia o que Makarius queria, mas conhecia outras pessoas que podiam ajuda-los, assim ela o pegava pelo braço e seguia o arrastando pelas ruas da vila até um beco, onde novamente pediu 3 Peças de ouro pelos serviços, seja ele qual for, ela precisava sustentar o seu maldito vicio.

OFF: Ela tem as informações sobre o lado sombrio de Kannin, mas tem de rolar umas peças de ouro, assim como ela conhece pessoal que trabalha na criminalidade.
avatar
Saphira Odin
Transcendente
Transcendente


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas de Kannin

Mensagem por Jack, The Reaper em Ter 11 Ago 2015 - 14:02

Ela podia ser uma viciada, mas pelo menos falava fluentemente a linguagem das ruas: dinheiro resolve tudo. E Makarius não ficava muito atras pois conseguiu sucesso em sua interpretação, localizando uma que parecia saber o que buscava, a menos é claro que ela quisesse armar uma armadilha para pegar seu ouro e pertences. Era difícil confiar em qualquer um e nesse ponto, ele não confiava em ninguém.

Seguiu a mulher em direção ao beco, sabendo que deveria ser uma informação sigilosa ou dar a oportunidade de fingir cair numa cilada e arrancar a força. Discretamente enfiou a mão por baixo da capa e pegou 4 P.O., mostrando-as para a mulher mas fechou a mão em seguida, num gesto de que estava disposto a pagar pela informação, mas queria a informação acima de tudo. Esperou para ver se ela havia entendido o recado, procurando sentir o ambiente ao seu redor e perceber se havia ou não perigos iminentes.

[off: usando constantemente as vantagens: RADAR e PERCEPÇÃO INCOMUM, pra sempre que possível saber o que acontece ao redor dele]
avatar
Jack, The Reaper
Aventureiro
Aventureiro


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas de Kannin

Mensagem por Saphira Odin em Ter 11 Ago 2015 - 23:01

@Makarius
Makarius pagava mais que o pedido pela meretriz, assim ela sorria de forma sádica, vendo que teria mais um pouco de sua droga naquela noite, assim ela pedia para ele escrever no chão o u na parede o que queria, logo ela mesma tiraria suas conclusões, agora Makarius era seu cliente e estava protegido contra os bandidos do lugar, afinal todos ali seguem um código de não intervim nos negócios dos outros.

Amelia segurava Makarius pela mão assim que ele terminasse de escrever o que queria, ela o levaria para o velho quartel, lá tinha de tudo até um velho quarto da moça, que ela usava em seu trabalho, além de ter mais pessoas para dar informações precisas a Makarius.

Off: Poste sua partida com ela aqui e logo poste no Velho Quartel
avatar
Saphira Odin
Transcendente
Transcendente


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas de Kannin

Mensagem por Jack, The Reaper em Qua 12 Ago 2015 - 11:55

A moça era rápida em captar as coisas e entendia muito bem como negociar, assim como Makarius sabia exatamente que deu seu primeiro passo naquela cidade, conseguindo abrir as portas do submundo e que dependeria dele adentrar ainda mais e não deixar que tal porta se fechasse, contanto que os outros não mostrassem possuir olhos maiores que o seu, nesse caso haveria necessidade de "disciplina-los".


"- Tenho planos, mas a sós..." -Foi o que escreveu por ultimo.

Decidiu apontar com a cabeça para continuarem, pois ali na rua ficariam expostos de mais, ainda mais da forma como ele se comunicava. Apagou como pode o que escreveu, esfregando e rabiscando por cima, acompanhando a profissional em direção ao outro lugar, esperando estar a sós para então expor suas verdadeiras garras, pois estava apenas começando...
avatar
Jack, The Reaper
Aventureiro
Aventureiro


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas de Kannin

Mensagem por Jack, The Reaper em Dom 23 Ago 2015 - 15:43

Saindo do velho quartel rumo às ruas de Kannin, Makarius agora buscava pelo tal vendedor mas tinha em mente que deveria evitar perguntas de mais e coisas desnecessárias, e até as específicas como nomes também deveria tomar cuidados. Estava andando sobre ovos...


Nas ruas, procurou restringir sua busca tentando prestar mais atenção no comércio de ilícitos,  mas andar por aí sempre acabava por chamar a atenção para si, sua natureza o destacava. Para lidar com tal inconveniência, decidiu entrar em um beco e subir nos telhados, iria seguir a diante com uma visão de cima, furtivamente como uma sombra na noite, se abaixando e esgueirando, usando as construções e suas frestas para observar o mundo abaixo, buscando isolar um alvo em potencial e acompanha-lo esperando uma boa oportunidade.


Off:
Spoiler:
Furtividade 4
Agilidade 
Investigação 1
Talento: perícia em ladroagem
avatar
Jack, The Reaper
Aventureiro
Aventureiro


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas de Kannin

Mensagem por Saphira Odin em Seg 24 Ago 2015 - 12:30

Makarius

Makarius tinha seu jeito peculiar de procurar as pessoas, não demorou muito para demostrar isso subindo pelos telhado de uma velha construção e seguir assim pelas demais casas a procura de algum vendedor de drogas, os minutos que gastou nessa pequena aventura rendeu algum resultado por entre um beco no lado mais abandonado da vila, ele via um pequeno grupo a fumar entre eles estava o vendedor um tipo de construto ou alguém trajando uma armadura completa, Makarius teria que se aproximar do grupo para ter certeza.

Mas Makarius sabia que aquela "pessoa" era o vendedor, pois ele sempre estava a movimentar as peças tanto de cobre quanto de prata e raramente algumas de ouro afinal não é qualquer viciado vagabundo que carrega moedas de ouro e prata, na sua maioria são peças de cobre.

Bastaria Makarius tomar a iniciativa no meio dos viciados com cautela, e abordar o vendedor.

OFF:
vendedor:
avatar
Saphira Odin
Transcendente
Transcendente


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas de Kannin

Mensagem por Jack, The Reaper em Ter 25 Ago 2015 - 7:26

Não precisou de muito tempo para identificar seu alvo, vendo a movimentação do lugar numa dança nefasta de vai e vem de restos de pessoas que ja foram um dia, sobrando apenas aqueles trapos mal trapilhos consumidos pelas drogas que consomem.

Daquela distancia não dava claramente para distinguir se era um construto ou alguém com armadura, provavelmente um construto pois não teria muito sentido uma pessoa andar por ai trajado de tal maneira, se bem que ele próprio não podia dizer muito sobre roupas...

Agora sim começa seu verdadeiro trabalho, pois em vez de atrair olhos curiosos, procura esperar e esperar, observando a movimentação enquanto acompanha o construto, esperando que saia de perto deles ou que os viciados vão embora, para só então fazer sua abordagem.

Em seu ramo de trabalho, estava acostumado a isso, ter que esperar, diversos serviços exigiram isso no passado, testando sua paciência e impulsividade, aguardando o momento exato de agir de forma precisa, e eis que novamente teria que recorrer a isso.
avatar
Jack, The Reaper
Aventureiro
Aventureiro


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas de Kannin

Mensagem por Saphira Odin em Sex 28 Ago 2015 - 6:15

Makarius

Makarios já encontrava seu alvo primaria, bastou concentrar-se nele por alguns segundos e perceber que o mesmo o levaria ao ponto inicial de todo o trafico de intorpecentes. Quando analisou o grupo de usuários percebeu que deles não conseguiria nenhum resultado satisfatório tendo como exemplo a meretriz com quem conversou, sua sorte que ela ainda não tinha usado sua droga.

Makarius percebia a movimentação der seu alvo, o "Golem " se afastava do grupo e seguia em direção a um dos becos do lugar mais a frente de onde Makarius se encontrava naquele momento, era a oportunidade perfeita para segui-lo por entre as ruelas do lugar sem chamar muita atenção, mas assim como Makarius o "Golem" também era um rato de rua, ele sabia quase todas as manhas do lugar, mas no final se perdia caminhando em uma rua menos movimentada a contar seu ganho e sua mercadoria sem preocupação por entre as ruas.

OFF:
1.Pode seguir e abordar o Golem
2. Pode tentar pegar alguma informação em meio aos drogados, mas lembre-se eles estão (Drogados).
avatar
Saphira Odin
Transcendente
Transcendente


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas de Kannin

Mensagem por Jack, The Reaper em Sex 28 Ago 2015 - 21:10

Ficou a observar o empresário da Rua por um tempo realizar seu trabalho, vendendo o produto, ganhando consumidores e cobrando o "preço justo" pela mercadoria, provavelmente o próprio Makarius precisaria aprender melhor essa dinâmica, contribuindo com seu trabalho.

O sujeito parecia que estava se afastando, provavelmente encerrando seu trabalho ou mudando de clientela, seguindo por ruas e becos sem grandes preocupações,  sendo possível notar que o indivíduo parecia bem familiarizado e a vontade, deveria ser experiente nessa vida. Entretanto aparentava estar sozinho naquele momento, ou assim queria parecer, pois poderia já ter notado-o. Seja como for, seria bom arriscar.

Decidiu descer furtivamente, evitando se apoiar em lugares muito frágeis quebradiços e lugares que poderiam ser muito barulhentos, procurando concentrar em onde e como jogar o peso do corpo para suavizar seus movimentos e chegar ao solo de forma rápida e silenciosa.

Iria tirar de seu bolso o papel com o nome do Randy, segurando-o em sua mão. Caso o homem não reagisse ou percebesse, aí sim iria bater com seus dedos revestidos pelo metal de sua arma contra a parede ou outra superfície, esperando a reação do homem, já com o papel a mostra em sua mão.


Off:
Agilidade (vantagem) + Furtividade 4 + velocidade 3 (ou habilidade 2)
avatar
Jack, The Reaper
Aventureiro
Aventureiro


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas de Kannin

Mensagem por Saphira Odin em Dom 30 Ago 2015 - 4:28

Makarius

Makarius era esperto como sempre, ficou a distancia observando seu alvo cada movimentos e até mesmo pequenos detalhes que pudessem o ajudar futuramente, nada era perdido pelos olhos aguçados de Makarius. Quando decidiu finalmente interceptar seu alvo Makarius o fez com toda maestria e cuidado digno de um ladrão experiente, aproximando-se do "Golem" ele mostrava o papel com o nome do seu alvo, a criatura a sua frente ficava surpresa e o drow também , pois ele percebeu que se tratava de uma pessoa dentro de uma armadura completa, seus motivos para aquela vestimenta não vinham ao caso ainda.

Com a voz um pouco rouca e demostrando sinal de cansaço ele respondia a Makarius -Sou eu o que você quer, qual o tipo de droga? Randy não dava muita importância ao tipo de abordagem do Makarius ele tinha outras preocupações me mente naquele momento.

OFF: Perguntas e mais perguntas???
avatar
Saphira Odin
Transcendente
Transcendente


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas de Kannin

Mensagem por Jack, The Reaper em Dom 30 Ago 2015 - 11:18

A abordagem no tal Golen revelou que na verdade se tratava de um homem dentro de uma armadura completa, algo um tanto peculiar, principalmente para uma cidade pobre como aquela e alguém que trabalhe nas ruas, geralmente eram sempre roupas mais flexíveis e que ajudassem na movimentação.

Seja como fosse, uma abordagem mais agressiva parecia que não surtiria tanto efeito, pois sua armadura praticamente neutralizaria seus ataques enquanto não achasse uma brecha ou ponto fraco nela. Ficar de "papo" também parecia fora de questão pela intonação e postura corporal, indicando que tinha um compromisso sério pela forma como estava andando pelas ruas e lhe daria pouca atenção, agitação em lhe responder e cansaço em sua voz. 

-Talvez pretenda retornar para seu esconderijo e tirar a armadura pesada? Esta cansado, se eu conseguir cansa-lo ainda mais em um curto combate, ele cairia sem eu encostar um dedo nele... O lugar tem algumas coisas uteis que poderia usar a favor e devo estar mais rápido do que ele preso a essa lata, posso esquivar de todos ou quase todos os ataques dele...

Para responder ao tal homem, não iria enrolar, de forma rápida e grosseiramente iria escrever "LIBRAS" na parede, o nome por si só falaria tudo e observaria atento a reação do homem, 
procurando não deixar de prestar atenção nele enquanto escreve. Diferente de como foi com a prostituta, havia entendido que teria que mudar sua abordagem, algo menos sutil e mais direto. Se lembrou do aviso dela, contudo se realmente quisesse começar a fazer uma fama pelo lugar, teria que se expor um pouco mais...


Caso o homem pretenda sair andando, pegaria uma pedra ou objeto no chão, não muito grande e lhe jogaria nas costas, afinal, era rude deixar alguém "falando" sozinho e imediatamente depois apontaria para o nome, mas qualquer que fosse a reação que não fosse "vou lhe falar", imediatamente iria expor suas lâminas, tanto como ameaça quanto provocação, num sinal de que falava serio e não seria saudável dar as costas para ele...


off:
Spoiler:
Radar + percepção incomum + investigação: varredura no lugar pra identificar coisas uteis (lugar pra se apoiar, objetos pra tacar, lugares que possa escalar, que possa entrar, etc)
avatar
Jack, The Reaper
Aventureiro
Aventureiro


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas de Kannin

Mensagem por Saphira Odin em Qua 2 Set 2015 - 6:41

Makarius

Randy ficava paradoa observar Makaruis não entendia até aquele momento o que o rapaz queria, mesmo assim ficou a prestar atenção no que ele escreveu na parede.
-Tsc... Libras ? Você não fala, pelo amor do Deus da trapaça e cada viciado que me aparece, mas cliente é cliente... Ela permanecia de pé a sua frente logo continuou-Amigo eu não entendo nada de linguagens de sinais, pode escrever oque você quer ai mesmo na parede...Seja rápido que eu estou um pouco atrasado.

No Lugar onde ambos se encontravam o pequeno corredor continha algumas caixas de madeira velha assim como muitos entulhos pelos cantos o chão pegajoso devido o acumulo de sujeira era meio traiçoeiro para se andar, assim como inúmeras garrafas jogadas pelo lugar misturadas ao lixo.

OFF:
A Exp ganha aqui é diferente devido a sua escolha.
Lutar ou Dialogar.
avatar
Saphira Odin
Transcendente
Transcendente


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas de Kannin

Mensagem por Jack, The Reaper em Qui 3 Set 2015 - 14:34

A cada instante que passava, odiava mais o fato de todos ficarem lhe perguntando coisas e mais coisas, se questionando que tipo de pessoa ao ver um sujeito vestido como ele se vestia, pertencente a uma raça conhecidamente na maioria como maligna, em um beco imundo e escrevendo um nome na parede, e mesmo assim não entenderia o recado.

-"Pelos deuses, ninguém mais intende as sutilezas de se arrancar uma informação?

Em vez de ficar perdendo vários minutos escrevendo e escrevendo, como se fosse um diplomata ou comerciante fechando um acordo ou vendendo algo, decidiu agir mais como um assassino que ele era, expondo as lâminas de sua mão junto a parede e arranhando por baixo no nome que havia escrito, como se repetisse a mesma pergunta, ja planejando suas ações.

- Corredor pequeno, tenho q utilizar espaços verticais para tirar vantagem...Chão pegajoso, maior dificuldade e cansaço para se mover com aquela armadura... Caixas e garrafas, possíveis distrações ou incômodos como farpas e vidros dentro de uma armadura fechada...
avatar
Jack, The Reaper
Aventureiro
Aventureiro


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas de Kannin

Mensagem por Saphira Odin em Sab 5 Set 2015 - 10:55

Makarius
O Homem voltou sua atenção para o drow, não que isso importa-se naquele momento, mas sua atitude era no minimo estranha logo ele apenas falou já cansado em lidar com todo o tipo de viciado.

-Meu filho, isso é um nome se for você o escreveu errado, é Lisbra... Ele dava de ombros e seguia seu caminho, não via mais nada de interessante no jovem que riscava o rabisco na parede, uma das coisas que ele menos apreciava nas pessoas era a perda de tempo, Todos ali sabem que o tempo é dinheiro tanto para ele quanto para sua fornecedora, paralela a guilda.

-Se venho aqui me perguntar sobre um nome ou, me fazer perder tempo em conversar com um mudo, já estou indo embora...Sabe eu tenho mais o que fazer. seguia ele seu caminho pelo corredor estreito seria muito ingenuo da parte de Makarius em pensar que ele era um pobre coitado indefeso.

OFF:
A Exp ganha aqui é diferente devido a sua escolha.
Lutar ou Dialogar.
avatar
Saphira Odin
Transcendente
Transcendente


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas de Kannin

Mensagem por Jack, The Reaper em Dom 6 Set 2015 - 14:32

Ter escrito propositalmente o nome errado surtiu efeito pois o homem entendia o correto, logo poderia obter alguma informação mais útil, contudo estava sendo subestimado por ele, decidindo dar as costas para Makarius sem se importar com o que o drow faria. Um erro fatal. Makarius tinha completa certeza de que o homem mesmo de costas não era nem um pouco inofensivo, era um habitante e trabalhador dos becos, sem dúvidas teria truques nas mangas, ou melhor, na armadura, forçando Makarius a bom ar uma estratégia um pouco diferente.

Inicialmente deixa o homem virar as costas, aproveitando a oportunidade para pegar uma garrafa no chão, procurando segura-la com a parte de baixo da mão, virando a garrafa para cima, dessa forma seu braço tiraria ela de vista. Numa explosão de movimento e Furtividade, Makarius avança na direção do homem, lhe atacando com sua lâmina na parte de trás do joelho direito dele, um local onde nenhuma armadura protegia devidamente devido a articulação, um ponto fraco natural.

Estava atento a possível reação do homem, tentando antecipar cada movimento seu e se fosse necessário, usaria uma finta como forma de evitar ser atacado. Com o ataque, procuraria continuar seu movimento, aproveitando do momento de dor do homem e tentar quebrar a garrafa próximo a viseira dele, procurando cega-lo com os cacos e pó de vidro bem em seus olhos e sem ter como tirar devido sua própria armadura. Iria buscar ter a atenção do homem pois não era algo fatal, mas iria debilitar-lo e faze-lo focar a atenção no Drow e não em sua tarefa posterior.

Spoiler:

Vantagens: Agilidade / Furtividade / Ambidestria / Foco em Arma / Percepção Incomum
Talento: Reflexo esperto (2sp)
Pericia: Furtividade 4 / Lamina 1
Velocidade 3 / Habilidade 2
avatar
Jack, The Reaper
Aventureiro
Aventureiro


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas de Kannin

Mensagem por Saphira Odin em Ter 8 Set 2015 - 11:09

Makarius

Makarius teve exito em seu ataque não apenas deixava o Homem surpreso por fazer aquilo, o fazendo pensar que o Drow e estava sendo apoiado por uma entidade com grandes influencias para ataca-lo em um beco assim do nada ou era só mais um louco, enfim, assim que se manteve de joelho no chão quase cego pelo pó jogado em sua viseira, para o homem aquilo não ra quase nada graças a sua doença ele poderia morrer a qualquer momento.

Mas o erro já tinha sido cometido a metros do corredor em uma posição em que não poderia ser sentida pelas habilidades natas do Makarius se encontrava a segunda defesa do vendedor. Precisou de apenas um disparo o trajeto do projetil seguiu-se pelos obstáculos do beco de forma precisa acertando as costas do Drow, não demorou muito para ele ficar zonzo e cer o Homem machucado a sua frente apenas acenando para o drow que caia desmaiado ao chão.

Horas mais tarde Makarius acordava-se fortemente amarrado em uma mesa a sua frente estava o Homem que ele atacou, mais ao fundo saindo dentre as sombras estava Lisbra.

-Quem é essa criatura Randy? Qual o motivo de trazer ele a meu esconderijo? 

Randy se mantinha imóvel no seu lugar apenas a respondia que aquele drow estava a procurando e como não é nada plausível ter o nome mencionado entre as pessoas, alarmando sobre sua presença na cidade.

Randy já tinha mencionado que Makarius era mudo, um tanto quanto chato tornou-se a situação em comunicar-se com ele não que isso a incomodasse, mas mesmo assim era chato. Assim ela pedia para Randy se comunicar com aquela criatura e ele apenas seguia suas vontades.

Logo ela mesma começou com as perguntas. -Quem é você e para quem esta trabalhando?

Makarius estava em uma ligação telepática com Randy que não gostava nem um pouco de invadir uma mente masculina, logo suas respostas seriam transmitidas pelo falso "golem" para a Lisbra.

OFF: 10 exp já adicionado.
Ganharia 30 caso seguisse na diplomacia, mas ganhou apenas 10 por seguir o caminho da luta.
sempre que postar manda link do tópico por mp.
avatar
Saphira Odin
Transcendente
Transcendente


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas de Kannin

Mensagem por Jack, The Reaper em Ter 8 Set 2015 - 14:20

[off: na verdade eu ia seguir a diplomacia... a diplomacia da rua... bate primeiro, pergunta depois, estilo Batman heheh]

O ataque acabou sendo certeiro. Certeiro ate de mais, pois parecia muito fácil ataca-lo daquela forma e subjuga-lo. Foi o que pensou ate ser acertado pelas costas por um algo. Se virou rápidamente temendo um segundo ataque, mas logo começou a agir efeito o dardo, estava envenenado.

Teve dificuldades em se manter acordado, ainda tentando alguns passos, mas acabou caindo. Caiu a ate de mais, pois estava dentro de uma caixa um rio, sendo inundada e quase se afogando, com dificuldade para respirar, se sentindo preso e amarrado. A cabeça doía muito, podia sentir o ardido da água na ferida. Teve que bater várias e varias vezes até que a caixa se quebra e muita água vem em sua direção.

Estava abrindo os olhos devagar, amarrado em uma mesa, ouvindo duas vozes meio distantes pela dor de cabeça que ainda sentia, provavelmente o efeito da droga que ainda teimava em deixar seu organismo. A visão estava um pouco ofuscada, mas podia ver que era Lisbra, a mesma do cartas, que estava ali, reclamando e tagarelando.

Sentiu uma pontada forte de dor de cabeça, era o homem invadindo ela sem sua autorização, provavelmente o jeito que queriam "driblar" seu probleminha, sendo agora interrogado por ela.


-Quem é você e para quem esta trabalhando?


- Pede pra ela falar um pouco mais baixo, dor de cabeça de mais... Diga que me chamo Makarius e até o momento não tomei partido por "lado" algum nessa cidade, mas posso escolher o lado certo e fazer a diferença ou criar um novo lado, caso ela aceite uma proposta e queira fazer parte... Tem vaga pra você também, Randy né?
avatar
Jack, The Reaper
Aventureiro
Aventureiro


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas de Kannin

Mensagem por Saphira Odin em Qui 10 Set 2015 - 16:49

continua no http://zephyr.forumeiros.com/t2816-ruas-kannin#50107 antes de eu deletar essa coisa aqui.
avatar
Saphira Odin
Transcendente
Transcendente


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas de Kannin

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 9 de 9 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum