Prefeitura

Página 4 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Prefeitura

Mensagem por Lord Death em Ter 7 Fev 2017 - 21:17

O servo mostrou eficiência quanto ao aprendizado, prestando atenção e nem fez questionamentos. Será que não havia entendido? Bom, quem sabe, mas pelo menos agora ja havia explicado-o e se usaria ou não o conhecimento e o que faria com ele será um problema dele, deverá mostrar serviço.

O servo guardava as runas, entretanto não pode deixar de notar e logo em seguida percebeu que o servo também notou, uma presença no local, provavelmente a sua direita. Seria melhor deixar uma testemunha saber sobre sua localização? Algum membro da irmandade? Um curioso?

Talvez não fosse um membro, pois caso fosse, já teria se apresentado. Ao sair da vila precisou criar aquela distração, então talvez alguem pudesse ter seguido seus rastros até ali. Crianças e jovens estava fora de cogitação, era tarde da noite. Algum viajante procurando abrigo na caverna para passar a noite?

Qualquer um dos questionamentos so seria respondido no momento que observasse diretamente o invasor e a principio o servo se mantinha fiel e eficiente, aguardando alguma reação de seu superior para então poder agir.

- Não quer se juntar conosco na fogueira? Está tão frio quanto meus ossos essa noite...

Finalmente falou então, se virando para a direita, atento a reação do observador. Caso o observador aceitasse ou pelo menos ficasse parado, iria apenas observar e dar inicio a um dialogo. Contudo, caso optasse por fugir, imediatamente iria erguer três cães esqueléticos, com uma ordem bem simples: "Cerquem o invasor"

[off: caso o invasor fuja, os cães terão os seguintes atributos: Velocidade 5 , 4sp cada um, total 12SP gasto. apenas para cercar mesmo, sem perigo de matar inocentes... ainda... hehehehe]
avatar
Lord Death
Herói
Herói


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prefeitura

Mensagem por Azetlor em Qua 15 Fev 2017 - 2:41

Lord Death

Então o invasor ao ser confrontado, o sujeito que se encontrava nas sombras apenas corre em direção dos dois, brandido sua espada para tentar golpeá-los com sua lamina. Então ao ficar sob a luz da fogueia pode distinguir que esta pessoa trajava uma armadura leve que aparentava esta coberta pela ferrugem. Aquela reação inesperada não deu a oportunidade de nenhum dos dois reagir de imediato. Não se podia se repara de qual raça aquele inesperado atacante pertencia por estar com vestes que ocultavam sua aparência física. Agora o lich tinha pouco segundos para reagir ao ataque da figura misteriosa que avança emitindo um grito de fúria.


Inimigo:

HP: 20/20


Força: 5.
Habilidade: 1
Velocidade: 4
Resistência: 2
Inteligência: 2.
Balística: 0.
avatar
Azetlor
Aventureiro
Aventureiro


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prefeitura

Mensagem por Lord Death em Qua 15 Fev 2017 - 18:22

Nem fugir nem ficar estático, o mortal decidiu avançar em sua direção, de alguma forma imaginando que pudesse se opor a ele com aquela armadura enferrujada e uma simples espada. Lamentável era o nível tão ínfimo do intelecto daquelas criaturas de carne. 

Nem se deu ao trabalho de se mover, em vez disso, ergueu uma mancha negra entre Ele e o atacante, era sua barreira de trevas, tentando bloquear o ataque do mortal igualmente de surpresa, se atentando mais sobre que possível raça deveria ser do que a preocupação de seu suposto ataque. 

- Me referi de forma pacífica, mas acho que me enganei e exigi de mais de sua cabecinha insignificante... Bom, farei você se juntar, ou pelo menos o que sobrar de você se juntará... 

Falou enquanto se levantava, com o cabo da foice apoiada no chão e a lâmina apontada para o invasor. Pensava inicialmente em duas possibilidades, uma seria transforma-lo em um morto-vivo, o primeiro de muitos, ali e agora, mas também havia a possibilidade de usá-lo como um escravo ou objeto de experiências. 

Teria que ver na prática se o mortal sobreviveria a isso para então pensar em seu fim e utilidade...

[off= usando talento Princípios da Magia para me defender]
avatar
Lord Death
Herói
Herói


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prefeitura

Mensagem por Azetlor em Qui 2 Mar 2017 - 1:32

Lord Death:

Logo que conjurado, aquela energia obscura cria uma barreira que bloqueia o golpe desferido pela aquela figura misteriosa. Então ainda determinada em eliminar o necromante ele avança mais uma vez, mais o servo logo bloquei com um tronco um pouco grosso cujo impacto acaba por derruba-lo quando se parte ao meio, mas isso da uma brecha para que o lich possa agir contra aquele invasor que agora parecia se concentrava em atacar o servo que de proposito tentava afastar o adversário para que se concentre apenas nele.
avatar
Azetlor
Aventureiro
Aventureiro


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prefeitura

Mensagem por Lord Death em Sex 3 Mar 2017 - 21:15

O mortal que tentou ataca-lo não teve exito e mesmo assim parecia determinado a continuar o ataque futil, mas o servo logo interveio, tentando atrair a atenção do atacante e lhe roubar a diversão. Seria um ótimo empregado fiel, caso fosse fosse um nobre e o servo um cavaleiro, mas esse não era o caso, ele não era um nobre gordo preguiçoso que não levanta um dedo para fazer nada.

- Atirem nas pernas dele mas não o matem.

Disse invocando dois esqueletos arqueiros, ordenando-os que contivesse o homem, ordem que valia também para o servo. Sua intenção não era mata-lo e sim usar seu corpo para averiguar uma possibilidade e estudar o efeito para avaliar a viabilidade de seu plano e como potencializa-lo.

Enquanto os esqueletos iriam na direção do homem, invocou uma barreira negra atras dele, para impedi-lo caso tentasse fugir, uma vez que havia visivelmente ficado em menor numero e prestes a ter um destino pior do que a morte, que estava presente encarando-o com um sorriso no rosto.

[off: Invocações: H4 B3 = 8SP cada = total 16 SP gasto
Barreira com principios da magia = 3SP 

Total gasto 19SP]
avatar
Lord Death
Herói
Herói


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prefeitura

Mensagem por Azetlor em Seg 6 Mar 2017 - 1:35

Lord Death:

Os esqueletos invocados pelo necromante logo se posicionam e quando aquele humano tem seu ataque frustrado pela barreira de energia negativa, ele se encontrava encurralado. Então os arqueiros mortos vivos disparam contra o homem, e algumas das flechas acabam por atingir suas costas e um de suas pernas o deixando ao chão. Mas aquele indivíduo mesmo ferido e com pouca mobilidade tenta se dirigir a saída, mas acaba por cair ao chão.
avatar
Azetlor
Aventureiro
Aventureiro


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prefeitura

Mensagem por Lord Death em Qua 8 Mar 2017 - 10:02

Seus servos atacaram, embora precisão não fosse muito sua capacidade, uma vez que acertaram também as costas do homem, mas pelo menos haviam incapacitado-o momentaneamente, fazendo-o cair. 

- Acho que encontramos nosso primeiro fornecedor de matéria prima...

Disse ele ao servo humano, caminhando em direção ao homem caído. Seus arqueiros ele desfez, mas em seu lugar conjurou 2 zumbis, um tipo de criatura que não gostava muito, devido sua aparência asquerosa e decadente, mas que no momento teria utilidade. 

- Morda a perna dele  

Disse ele na língua dos mortos ordenando o zumbi, enquanto ele próprio iria com a parte de cima da lâmina pressionar as costas do homem contra o chão, imobilizador, mas se fosse necessário até mesmo o prenderia contra o chão usando suas trevas caso resistisse. 

- Poderia trazer uma tocha? Temos que evitar feridas fatais,  não podemos deixá-lo morrer, ainda...  

Realmente de nada adiantaria se o homem morresse antes de inocular a doença, teria que cauterizar as feridas de flecha e posteriormente as mordidas para evitar uma hemorragia. 

[off: 2 zumbis F3, 1sp cada]
avatar
Lord Death
Herói
Herói


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prefeitura

Mensagem por Azetlor em Dom 12 Mar 2017 - 0:19

Lord Death:

As criaturas invocadas pelo necromante avançam contra o homem ferido que debilitado logo e alcançado pelos mortos vivos que enquanto um o agarrava o outro lhe morde forma vigorosa na perna esquerda do homem. Mas aparentemente as criaturas decadentes ao mordiscar o homem são tomadas por um frenesie alimentar que começava a ficar evidente pelo modo se comportavam, indo para cima do pobre home prontos para devorar sua carne. Caso não fossem parados por seu conjurador eles iriam o matar.
avatar
Azetlor
Aventureiro
Aventureiro


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prefeitura

Mensagem por Lord Death em Ter 14 Mar 2017 - 12:30

Suas criaturas estavam cumprindo seu papel, agindo de acordo com seus instintos e atacando o mortal sem chance de defesa, caído e facilmente poderia ser devorado vivo caso não tivesse utilidade. Para sua sorte, ou azar, ele serviria a um propósito maior. 

- Já basta  

Vendo a ânsia de suas criaturas em devorar, por precaução decidiu desfazê-los, dando ao mortal a oportunidade de sobreviver tempo suficiente para inocular a infecção e se tornar um servo permanente. 

- Pegou a tocha? Pode ser uma faca quente também, precisamos interromper o sangramento.  

Perguntou ao servo mortal que lhe auxiliava, mantendo sua atenção no mortal caído para que não tente fugir e avaliar a gravidade de seu estado, para tomar as providências para sua temporária sobrevivência.
avatar
Lord Death
Herói
Herói


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prefeitura

Mensagem por Azetlor em Dom 19 Mar 2017 - 11:32

Lord Death

No momento em que o necromante desfez seu encantamento os mortos vivos que ele havia convocado pararam de se movimentar como tivessem voltado a serem meros cadáveres que gradativamente começavam a sucumbir a um estado de apodrecimento que parecia avançar rapidamente até serem reduzidos a restos ensanguentados de carne pútrida. Logo o servo vai ao homem, onde administra um cantil  em seguida o enfaixando com pedaço de tecido rasgado: - Não acho que ele vá resistir a infecção, já vi muitos sucumbirem a mordida de um zumbi, mas talvez tenha alguma chance, quando desinfetei a ferida e com esta faixa poderá parar o sangramento. – Diz o servo terminando de amarrar o pano bem forte na perna do homem que se mantinha agora em absoluto silencio.
avatar
Azetlor
Aventureiro
Aventureiro


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prefeitura

Mensagem por Lord Death em Qui 23 Mar 2017 - 19:28

O servo atendia prontamente o solicitado, com isso estando pronto e sem perceber havia dado o empurrão inicial a dominação e destruição de todo o continente. Até poderia ajudar um pouco na questão do conhecimento sobre o corpo, mas seu toque era prejudicial ao mortais, então fins terapêuticos era algo que mantinha distância.

Em vez disso, olhou ao redor, procurou ver bem o local e o que havia a disposição, pretendia usar o que pudesse a seu favor. Precisaria conter o homem enquanto ele ainda estivesse vivo, pois mesmo debilitado pela infecção, talvez tentasse resistir. Uma vez transformado, precisaria de um local para aprisionar o zumbi, de preferência um local que não acelerasse sua decomposição, então provavelmente caso não encontrasse, teria que criar uma pequena cela de contenção, usando alguns servos como mão de obra.

Por sinal, devido ao embate, acabou usando suas energias, não estava mais totalmente carregado. Nenhum daqueles dois poderia servir como alimento, cada qual tinha suas funções. Talvez inicialmente teria que se alimentar as energias de animais e plantas próximas, infelizmente, pois iniciaria a demarcar o território, algo que pretende que seja feito apenas posteriormente. Por hora iria investigar aquele local e com o que tivesse a disposição pensaria em como agir logo em seguida.
avatar
Lord Death
Herói
Herói


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prefeitura

Mensagem por Azetlor em Dom 26 Mar 2017 - 21:43

Lord Death:

O necromante vasculhava o local enquanto o servo cuidava do prisioneiro que se entrava em seus cuidados. Durante sua busca pelo lugar acaba por encontrar uma estranha chave de aparentava ser muito antiga ao chão da caverna. Aparentemente a descoberta do lich incomodara muito o homem que recebia cuidados do servo: - Larga isso e meu seu maldito, devolva para mim!! – Esbravejava o humano tentando se levantar, mas que logo voltava a posição que se encontrava inicialmente. Aquela chave antiga parecia abrir algo como um bau.
avatar
Azetlor
Aventureiro
Aventureiro


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prefeitura

Mensagem por Lord Death em Qua 5 Abr 2017 - 16:47

A descoberta da chave em si poderia ser apenas um fato isolado, mas a reação do homem serviu para aguçar sua curiosidade, vendo que parecia se tratar de um item de estima do homem e mesmo ferido ainda pensava ter alguma forma de impedi-Lo de ficar com ela. 

Pela sua forma e tamanho, poderia ser uma chave de um baú, algo que justificaria a apreensão do homem, vidrado pelos seus pertences materiais, seus "tesouros", esquecendo que em sua atual situação, nem sua vida importava mais. 

Decidiu se aproximar do humano, se abaixando um pouco para olhar-lhe diretamente nos olhos e o humano não ter como desviar o olhar, tendo que encara face a face sua apavorante aparência, usando todo o possível para destruir quaisquer traços de resistência dele, subjugando-o. 

- Acredito que encontrei o que veio buscar nessa caverna ou será que caiu enquanto se recusava em atender meu chamado? Chaves abrem portas. Esta chave em questão, o que ela abre e o que tem atrás da fechadura? Prefere me contar enquanto ainda pergunto educadamente ou novamente irá me desafiar em vão?  

Dito isso aproximou sua mão cadaverica da pele do sujeito, mas sem toca-lo, apenas para que ele sentisse brevemente o frio que ele emanava para deixar a cargo de sua imaginação a dor que poderia sentir, sofrendo por antecipação.
avatar
Lord Death
Herói
Herói


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prefeitura

Mensagem por Azetlor em Seg 8 Maio 2017 - 2:36

Lord Death:

Com aproximação de sua mão cadavérica próxima a epiderme do estranho invasor o lich consegue o ocasionar uma torturante sensação de congelamento naquela pequena área. Aquela sensação faz o homem tentar se afastar da mão do necromante: - Seu monstro esta chave abre um baú que contem algo que criaturas como vocês jamais poderão por as mãos. – Diz o homem tentando ficar longe da mão de Lord Death que acaba fazendo cair ao chão da caverna tendo dificuldade de se levantar por estar com as mãos e pernas amarradas.
avatar
Azetlor
Aventureiro
Aventureiro


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prefeitura

Mensagem por Lord Death em Sex 12 Maio 2017 - 17:40

Ao ver a tentativa do homem se livrar de sua mão, apenas manteve seu toque, deixando que o efeito da tortura fizesse efeito e ele se pusesse a falar. No momento que começou a falar, afastou um pouco sua mão, mostrando cumprir sua palavra em perguntar educadamente, deixando ele dizer algo interessante a respeito do que poderia ter dentro.

- O que simples mortais poderiam ter que poderia ser algo tão importante e proibido para "criaturas como nós"?

Parou um instante intrigado com as possibilidades e descrença de que poderia ser algo de tão valioso quanto o homem tentava supor. Mas percebeu que o homem havia interrompido seu discurso, caindo no chão e tentando se levantar.

Naquele instante, pressionou-o com o cabo de sua foice contra o peito do homem no chão, impedindo-o de se levantar, curvando-de levemente para que seu rosto fosse a coisa que o homem mais prestasse atenção naquele momento.

- Por favor, continue, que tipo de coisa estamos falando? Acredito que estaria melhor em minhas mãos do que com "criaturas" como você referiu ou governantes insensatos prontos para sacrificar a vida de seu povo para cumprir seus mesquinhos caprichos... Não sou bom ou mal, sou justo. Sou Morte. Será que preciso continuar motivando-o a falar?

E novamente estava prestes a aproximar sua gélida mão dele, lentamente, para ver ate quando o homem resistiria ou se o temor falaria mais alto novamente, interrompendo caso o homem começasse a falar.
avatar
Lord Death
Herói
Herói


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prefeitura

Mensagem por Azetlor em Seg 29 Maio 2017 - 1:15

Lord Death

O homem percebera que se não falasse sentiria o toque frio, então antes que sua mão se aproximasse em sua epiderme ele afasta sua cabeça para evitar aquela agonia que experimentara anteriormente: - Eu irei falar, mas, pare com isso eu implora. – Diz o prisioneiro enquanto depois de respira fundo começa falar de forma desesperada, para assim se livrar daquela agonia. - Há alguns quilômetros daqui existe uma masmorra oculta no subterrâneo onde repousa um terrível artefato que e guardada por monstros e armadilhas. Eu e meu grupo tentamos adentrar neste lugar, mas falhamos miseravelmente, fazendo perder meus companheiros de aventura de tantos anos, um por um caiu para os perigos deste lugar infernal. Pensei em esconder esta chave neste lugar, mas com vocês aqui não pude fazê-lo.
avatar
Azetlor
Aventureiro
Aventureiro


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prefeitura

Mensagem por Lord Death em Seg 29 Maio 2017 - 20:54

Conforme havia determinado, realmente evitou o toque, deixando que o mortal falasse, desta vez entrando um pouco mais em detalhes, aguçando a curiosidade mas também uma certa desconfiança e descredito, pois poderia se tratar de uma mentira para ser poupado da tortura ou ate uma forma de tentar escapar.

- Digamos que acredite em sua história, disseste que é uma dungeon escondida, como faço para localiza-la? Acredito que não tenha visto o panorama de um angulo diferente... O artefato esta sendo guardado por tais criaturas ou cobiçado por elas? Percebeu a diferença? Como você mesmo disse, algo que jamais pode cair nas mãos de criaturas. Geralmente isso atrai olhares e estimula a caça ao tesouro. Vocês pensando em proteger e eles pensando em poder, não duvido que simplesmente não existe nenhum artefato e vocês apenas estavam se matando para o deleite de quem começou essa história hahahaha

Não pode deixar de achar graça, vendo como era simples instigar e dominar os mortais, bastava as palavras certas e pronto, poderiam guerrear sem nem mesmo saber se o motivo é importante ou real o bastante pra justificar o desperdício de suas vidas. Algo muito lamentável, mas engraçado. Então se levantou e olhou para o servo.

- História ou não, gostaria de conferir pessoalmente. Consegue manter nosso hospede protegido até meu retorno? Caso surja uma emergência, use o método que te ensinei.

Então se voltou ao homem, aguardando que ele falasse sobre como chegar a dungeon, se preparando para partir imediatamente e aproveitar a noite para cobrir seus caminhar.
avatar
Lord Death
Herói
Herói


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prefeitura

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 4 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum