Torun

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Torun (editando)

Mensagem por Torun em Sex 19 Set 2014 - 14:53

Nome do Personagem: Torun
Raça: Bruxo [2 pontos]
Classe: Guerreador/Invocador
Nível do Personagem: 1
Idade Real/Idade Aparente: 23/17
Altura: 1,79m
Peso: 67kg

Características Físicas: Parece com um jovem de 17 anos, na fase madura, onde a barba é rala da cor dos cabelos, que são longos e negros como ônix, possui olhos escuros e um olhar profundo e cativante e ao mesmo tempo calmo e tranquilo, tem uma pequena cicatriz abaixo do olho esquerdo, a pele é morena e os músculos começam a se definir, magro e um tanto alto. Lábios finos e um pouco desenhados, maxilar marcado, mas não totalmente definido, apenas uma linha tênue em seu rosto. Possui nos serpentes azuis, já um tanto apagadas, em volta de seus dois pulsos até o cotovelo.

Personalidade: Tem um olhar calmo e uma postura que diz o mesmo, mas ao fundo controla uma perturbadora dor que assola seu inconsciente querendo sair e o tornar inconstante e violento. Na maior parte do tempo é quieto e reservado, seu coração inspira bondade, e o que menos quer é o mal, protege a quem tem afeição. Ainda é confuso com os costumes das diferentes raças e não se acostumou com o viver humano, por este motivo tenta ficar isolado, mas nem sempre consegue e faz o máximo de esforço para parecer amigável ao resto do mundo. 

História: 
Spoiler:
Desconhece o mundo a sua volta, lembra de sua vida a partir dos 7 anos de idade, quando seu velho avô de criação o acolheu, um Shaman que vivia afastado do mundo em uma pequena aldeia indígena. Um velho que possuía conhecimentos além do comum para um homem, sábio dos espíritos e da magia de invocação, chefe de sua aldeia que acolhe o jovem que lhe é deixado e se apega ao pequeno e estranho menino, moreno com cabelos negros, de uma face rara e uma raça quase desconhecida para o velho, o Shaman não sabia dizer se era humano aquela criatura com uma aptidão mágica tao intensa, quando o pequeno chegou a vila a lua pairava no céu, ao surgir a grande lua cheia ao céu o velho escutava um bater de asas intenso, e um grito agoniante de um corvo desesperado, no mesmo chão onde seu, agora neto, dormia. Surpreendido o velho apenas observava aquele pequeno corvo ali parado gritando desesperadamente, suas penas mal formadas, mal sabia voar, quem havia abandonado aquela criatura? O Shaman cuidou do menino que começou a crescer com os costumes da tribo e cultuar seus deuses e espíritos. Tem até hoje as serpentes tatuadas, significando um alto nível de sacerdotismo e aprendizado segundo a cultura de sua tribo. Mas reviravoltas acontecem. O mundo crescia e as diversas raças boas e más tomavam conta, aquela pequena aldeia pacífica começou a ser atacada constantemente por bandidos e saqueadores, diversas raças em ataques brutais e devastadores. Seu avô já velho e fraco não suportava ver seu povo a quem amava ser morto e devastado. O velho a quem o jovem batizado Torun, o vitorioso, havia sido a única pessoa a quem tinha aprendido a amar estava a beira da morte.
O sofrimento que atormentava o coração do velho não podia ser desfeito e mais um ataque vinha. Torun lutava com podia mas suas forças não eram o suficiente. Em suas lembranças daquele dia apenas restam um bilhete escrito pelo avô e sua memória que vai e vem o levando a ataques de fúria.

"Uma noite qualquer fumava com meu velho avô um cachimbo sentado ao chão na porta da cabana, quando avistamos tochas e luzes vermelhas no meio da floresta, foi quando o pesadelo começou, tomada por um fogo mágico a floresta queimava em chamas vermelhas como um rubi brilha com a luz do sol. Me levantei rapidamente, meu velho vô já cansado tentou apressar-se, mas já não tinha forças o suficiente, as pessoas gritavam, aqueles homens queimavam pessoas vivas e não se importavam, dava-se para ouvir seus risos ao longe. Uma noite antes da grande lua cheia. Fiquei a proteger meu avô quando aquela sombra gigante, com duas grandes asas e uma forma humanoide com escamas se aproxima, seu rosto encoberto pela sombra da noite. Me ataca com seu fogo vivo quando tudo escurece e apenas vejo um velho a minha frente, os olhos totalmente brancos pronto para invocar seus espíritos mas suas forças ja se esgotavam antes de fazer algum contato, um braço escamoso atravessava o velho e desgastado corpo, magro e ossudo, cabelos brancos se atiravam no ar e o velho caia, suas tatuagens começavam a sumir e o corpo a desintegrar, apenas o tempo de segurar sua mão e não existia mais nada. De sua mão apenas um pedaço de couro com um desenho de um corvo e uma lua cheia atrás. O homem me olhava com os olhos avermelhados, uma sede de sangue. Ao me atacar corta meu rosto e ao momento em que estou caindo ao chão transformo-me em um corvo, e fico a encará-lo, tentando ver seu rosto. Sua sede ainda perseguindo-me, sou obrigado a fugir e ver apenas aquele corpo ao chão sem pele, quase totalmente desintegrado, sem poder enterrar e fazer minhas preces aos deuses. Apenas voo sem rumo a espera da lua cheia..."


Velhos escritos de Torun ao se afastar do mundo, para não em demência usava tudo que podia para afastar e aprender a dominar seu pensamento, deixando a mente comandar o corpo e não o oposto. Agora vaga por cidades grandes e populosas procurando um objetivo, uma linha para seguir, pois aprendeu que se entregar a doce carícia da morte é bobagem.






ATRIBUTOS:

Força: 1
Habilidade: 1
Velocidade: 
Resistência: 2
Inteligência: 3 +2
Balistica:

HP: 20 +10
SP: 50  +10




Talentos:
- Domesticar
- Princípios da magia +3SP 
- Corpo de ferro [10 SP + 5 HP] (1 PONTO)
- Criação básica de poções [8 SP por poção curativa.] (1 PONTO)

Pericias de classe:
- Perícia com arma: foice. [+3]
- Evocação [+3]
Perícias:
- Instrumento musical (flauta) [1]
- Perícia em combate desarmado [2]
Vantagens Raciais:
- Transformação consciente (Corvo)
- Inteligência +2
Vantagens:
- Agilidade [2 PONTOS]
- Sedutor [1 PONTO]
- Proteção contra magia [1 PONTO]
Desvantagens Raciais: 
- Transformação descontrolada (Corvo): Durante a lua cheia e em 


Desvantagens:
- Desvantagem traço marcante (1 PONTO): tatuagem.
-Desvantagem traço marcante (2 PONTOS): cicatriz no rosto
- Perda terrível (1 PONTO)
- Visão monocromática (1 PONTO)
- Código de honra: código do sacerdote (1 PONTO)


Estilo de luta: -

Movimentos do estilo de luta:



Itens: Seus itens, comprados ou não, aqui, inclusive a arma.

Magias: Suas magias.Para saber quais são, clique aqui

Resumo de Custos: Aqui você resume o quanto e onde gastou seus pontos.
Atributos: 7
Raça: 2 pontos.
Classe: 3 pontos.
Talentos: 2 pontos.
Vantagens: 4 pontos.
Desvantagens: +6 pontos.
Estilos de Luta: x pontos.
Total de Pontos Utilizados: 18
avatar
Torun
Novato
Novato


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Torun

Mensagem por Maseratsu em Sab 4 Out 2014 - 16:52

Olá! Desculpe pela demora :/

 Sua história está ótima, dou nota 70/100

 Seus pontos estão certos, não tem nada mais pra avaliar. Pode jogar! Só caçar um narrador por aí e já pode encarnar no Torun :3

 Lembre-se de colocar o link da sua ficha na sua assinatura e o básico da ficha também, caso queira
avatar
Maseratsu
Lenda
Lenda


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Torun

Mensagem por Saphira Odin em Dom 28 Jun 2015 - 4:09

Inativa?
avatar
Saphira Odin
Transcendente
Transcendente


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Torun

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum