Pensão Nevasca

Ir em baixo

Pensão Nevasca

Mensagem por ADM Ichirou Youta em Qui 12 Jan 2012 - 0:10



Um hotel com vários quartos, dirigido por Kari, uma senhora já de quarenta e poucos anos, que muitos na vila chamam de bruxa por sua aparência, e sua filha Filla, de apenas vinte e poucos anos, que parece não ter herdado a aparência da mãe. Este local inteiro parece ser feito de puro gelo, sendo não só um local para os aventureiros descansarem, mas para ser apreciado por sua beleza e esplendor.

__________________________________


Spoiler:


Chupem !

ADM Ichirou Youta
Transcendente
Transcendente


Ver perfil do usuário http://zephyr.forumeiros.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pensão Nevasca

Mensagem por Adil Borkan em Ter 8 Set 2015 - 23:04

ᅝᅝᅝᅝAdil, apesar da pressa, não pôde deixar de admirar a arquitetura única do local e sua chamativa aparência. Não percebera que o local era, na verdade, feito aparentemente de gelo, visto que só o notara de relance até então. Por um momento pensou que fosse uma pensão cara por conta de seu belo visual, mas não custava nada tentar pôr em prática sua única ideia. Assim que lembrou-se que estava acompanhado, entretanto, o espadachim deixou seus pensamentos de lado e adentrou a pensão de vez.


ᅝᅝᅝᅝEle atravessou o salão de entrada rapidamente, rumando até a primeira pessoa que encontrou atrás do balcão de recepção e indo direto ao seu ponto. 


ᅝᅝᅝᅝ- Eu preciso de um local para passar a noite, mas não tenho nada com o qual possa lhe pagar no momento. Posso, entretanto, fazê-lo. - Começou ele, debruçando-se sobre o balcão para encarar a dona da pensão. - Basta me dar um pedaço médio de madeira e eu posso fazer arte, e então trocá-la pela minha estadia essa noite. - Propôs ele. Nunca fora alguém persuasivo, mas ainda assim a diplomacia era tudo que poderia tentar. Caso não conseguisse, teria que deixar seu orgulho e pedir a Isabella que encontrasse uma solução para o problema da estalagem.
avatar
Adil Borkan
Aprendiz
Aprendiz


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pensão Nevasca

Mensagem por Isabella Witherfang em Ter 8 Set 2015 - 23:42

Isabella nem precisou pensar duas vezes antes de seguir Adil para fora da pelaria. Isso acontecera por dois motivos: o primeiro, por já ter começado a confiar no rapaz, mesmo sem que ele lhe tivesse dado muitos motivos para isso. Já o segundo, fora porque o ambiente da pelaria não era muito agradável para ela.


  Permaneceu o caminho todo ainda em silêncio, faltando coragem para iniciar uma conversa normal. Seguiram para uma pensão, a qual continha uma beleza impressionante. Para a garota, esta vinda de uma família nobre, era uma das mais bonitas arquiteturas entre tantas outras que já havia visto.


  Ao adentrarem o local, seguiriam até o balcão. Enquanto o espadachim pedia uma oportunidade que lhes garantisse uma estadia para aquela noite, ela percebeu que ele também era um artista. A menina, tendo nascido numa família de músicos, começou a fazer aulas de canto cedo. Ficou curiosa para descobrir mais sobre o parceiro, e sobre suas habilidades artísticas. Ela fitou a senhora, aguardando sua resposta.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pensão Nevasca

Mensagem por Saphira Odin em Qui 10 Set 2015 - 18:54

Adil Borkan & Isabella Witherfang

Assim que a dupla passava pela enorme porta da entrada do lugar que era totalmente feito de gelo o rapaz adiantava-se deixando sua companheira ao seu lado calada admirando a bela arquitetura do lugar que por mais incrível que aparecesse não tinha como imaginar sua construção por mãos humanas. O Rapaz ao balcão era atendido pela própria dona do lugar uma mulher chamada por muitos de bruxa, quem sabe ela não fosse uma realmente, pois construir aquela pensão em gelo é digno de uma.

kari escutava sem acreditar no que o rapaz falava, não pelo que ele sugeriu sobre seu trabalho , mas sim em sua troca pela estadia, de inicio ela o mandaria embora, afinal olha o pedido que ele lhe fizera, pagar a estadia com uma arte qualquer. No minimo ele era um folgado ou estava muito necessitado, mas antes dela o mandar embora sua filha vinha em a seu encontro lhe comentando algo e assim Kari mudou de ideia e o respondeu.

-Qual o teu nome meu jovem? Eu tenho uma ideia melhor tu consegues lapidar o gelo, se consegues eu tenho alguns trabalhos que quero fazer, mas não tenho gente competente para isso...

kari o encarava -Vo
cê pode esculpir duas estatuas de gelo para eu colocar na entrada da minha pensão, fazendo isso deixarei ambos passar a noite com um jantar na minha pensão como pagamento pelo serviço... Kali esperou para ver a resposta do jovem antes de leva-lo a uma peça extremamente gelada com vários blocos de gelo no qual ela sempre usa para trocar por outras partes de sua pensão.

OFF: Role teste de escultura  1 d6 + 5 (Dificuldade 8.) link para dado http://zephyr.forumeiros.com/t2158-dados


Última edição por Saphira Odin em Sex 11 Set 2015 - 0:01, editado 1 vez(es)
avatar
Saphira Odin
Transcendente
Transcendente


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pensão Nevasca

Mensagem por Adil Borkan em Qui 10 Set 2015 - 21:02

ᅝᅝᅝᅝPara a sorte de Adil, outra mulher que ali trabalhava considerou sua proposta. A escultura, entretanto, haveria de ser feita em gelo, e o espadachim jamais trabalhara com tal material. Faria, entretanto, o seu máximo já que não tinha nenhuma outra maneira de pagar a mulher.


ᅝᅝᅝᅝ- Certo. - Disse antes de segui-la para onde se localizava o bloco de gelo.



ᅝᅝᅝᅝAdil então observou para ver se Isabella ainda o acompanhava. Encabulou-se de expressar sua arte diante da recém-conhecida, e este nervosismo somado com sua falta de experiência com o material no qual trabalhava e o frio que sentia, puderam influenciar fortemente no resultado de sua tentativa.



ᅝᅝᅝᅝDurou alguns minutos, e tudo corria bem. O espadachim tentava fazer uma forma semelhante a pássaros, mas tal desenho delicado acabou por falhar em meio ao processo. O bloco de gelo, mais leve do que a madeira com a qual Adil estava acostumado, rompeu-se de maneira que ele não foi capaz de concertar a obra, e não teve o que fazer se não abandonar seu posto ao lado do bloco de gelo, frustrado não só apenas por falhar mas porque a garota que o acompanhava também contava com seu sucesso.


ᅝᅝᅝᅝCom um suspiro pesado, Adil apenas foi até Isabella, ainda tentando manter uma postura orgulhosa mesmo diante da falha.



ᅝᅝᅝᅝ- Não tenho experiência trabalhando com gelo, nunca nem havia visto direito tal material. Agora estou sem ideias quanto ao que fazer. - Disse, enquanto apoiava as costas na parede mais próxima, ainda sem dar qualquer satisfação quanto a sua falha. - Talvez eu pudesse tentar com o outro bloco de gelo, mas ela pediu duas esculturas grandes. Mal consegui uma no primeiro, será muito mais complicado fazer as duas em um só. - Finalizou, desanimado enquanto encarava sua obra fracassada.
avatar
Adil Borkan
Aprendiz
Aprendiz


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pensão Nevasca

Mensagem por Isabella Witherfang em Ter 15 Set 2015 - 0:09

Ao escutar a proposta da senhora, feita por intermédio de sua filha, Isabella ficou mais esperançosa e, ao mesmo tempo, animada pra saber qual seria o resultado.


  Observou Adil, que se afastava na direção do bloco de gelo. O companheiro iniciou seu trabalho, tornando aquele pedaço comum de gelo uma forma graciosa e delicada, aos poucos. A menina estampava uma expressão de surpresa em seus olhos diante ao talento do companheiro.


  Porém, sua surpresa foi ainda maior quando o mesmo aplicou mais força do que o necessário no gelo, que era frágil demais para aguentar tal impacto. A escultura, ainda em progresso, se rompeu.


  O rapaz agora caminhava em sua direção, desanimado, finalmente dirigindo algumas palavras a ela novamente. Ela, entretanto, não estava disposta a deixá-lo desistir. Ao menos, não sem tentar novamente, pois acreditava em sua capacidade.


  Decidiu tentar animar seu companheiro para tentar novamente, se dando conta a seguir de que seguiam viagem juntos sem ao menos conhecerem o básico um sobre o outro. Ela sequer sabia seu nome.


  — Tenho certeza de que se tentar novamente, dessa vez com mais cuidado, conseguirá. Estava ficando realmente muito bom, e ainda é possível fazer o que aquela senhora disse! – tentou soar um pouco mais animada do que realmente estava no momento — Além do mais, não temos nada a perder. Muito pelo contrário, essa pode ser nossa única chance de conseguir algum lugar para dormir. Essa cidade é muito fria, e nossas roupas são inadequadas, não sobreviveremos sem um abrigo. Ah, e notei que esqueci de lhe perguntar: qual seu nome?

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pensão Nevasca

Mensagem por Adil Borkan em Qui 17 Set 2015 - 23:08

ᅝᅝᅝᅝIsabella conseguiu convencer Adil a tentar novamente,ao mesmo tempo que o deixou nervoso quando perguntou sua identidade. Havia já notado que ela estava confiando mais nele do que deveria, mas preferiria que tivesse permanecido daquela maneira. Por algum motivo ele não se sentia confortável ao compartilhar seu nome, mas seria extremamente suspeito se não o fizesse.


ᅝᅝᅝᅝ- Adil. Adil Borkan. - Respondeu apenas seu nome, sem nem perguntar o dela ou sequer olhá-la. Sabia que poderia estar parecendo estranho mas não era familiar com interações sociais e aquela em especial o deixava nervoso, ainda mais na situação em que estava.



ᅝᅝᅝᅝColocou-se uma vez mais ao lado do outro bloco de gelo, mas ainda estava inseguro. Não poderia falhar com aquela menina para não pagar papel de tolo, e dependia daquilo que sua noite pudesse ser passada num local aquecido. A falta de experiência com o gelo, entretanto, influenciou novamente.


ᅝᅝᅝᅝAdil tentou fazer a mesma forma no gelo, mas ainda não domara a resistência baixa do material. Por conta disso, ele se quebrou novamente enquanto o espadachim tentava fazer o contorno do bico do pássaro. Dessa vez, entretanto, não foi capaz de conter a frustração diante daquela falha insistente. Além de ser importante que ele tivesse conseguido realizar o trabalho, a escultura era uma paixão de Adil e ele não admitia estar perdendo a prática.



ᅝᅝᅝᅝBastante nervoso e frustrado, o espadachim deu meia-volta enquanto rumou a saída da pensão. Nem sequer olhou para as donas do estabelecimento para anunciar sua falha, e só se dirigiu para a garota que o acompanharia na missão do dia seguinte.



ᅝᅝᅝᅝ- Esqueça isso, não serei capaz de realizar a tarefa. Encontrarei um canto, e lhe encontrarei pela manhã do dia seguinte. Estou certo de que será mais fácil para você conseguir a hospedagem sem a minha companhia. - Disse, referindo-se indiretamente à beleza única que tinha a guerreira.


ᅝᅝᅝᅝApós isso, ele partiu pelas ruas da gélida cidade, ainda desapontado consigo mesmo por não ter sido capaz de produzir uma simples escultura, algo que já fizera diversas vezes anteriormente. Os fato de não ter os materiais necessários para esculpir gelo, estar exausto pela viagem e nervoso com a presença de Isabella, ao menos serviam-lhe de desculpa.
avatar
Adil Borkan
Aprendiz
Aprendiz


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pensão Nevasca

Mensagem por Saphira Odin em Sab 19 Set 2015 - 12:58

Adil Borkan & Isabella Witherfang

Adil aceitava a proposta da dona do lugar em seu trabalho no gelo ele se mantinha concentrado mesmo com a Isabella o observando e no final sua primeira tentativa mostrou-se um verdadeiro desastre, naturalmente ele não estava acostumado a trabalhar com o gelo, Isabella o incentivou para tentar novam,ente e mesmo assim ele não conseguiu realmente ele não estava conseguindo trabalhar no gelo era algo novo e diferente para ele seria um desafio entanto para qualquer ser que amasse seu trabalho, mas Adill era diferente mostrou-se fraco a falhas e assim quando saiu se lamentando de sua performance pela porta a dona o chamou.

-Vai deixar sua amiga aqui, vai desistir assim na primeira dificuldade que encontrar? Eu pensei que você fosse diferente, realmente pensei que você fosse mais persistente, tenho outros blocos ali, não entendo por que você esta desistindo?

Ambas Tanto a dona do estabelecimento quanto sua bela filha ficavam sem palavras com a atitude do forasteiro, desistir de algo assim nunca foi da natureza daquele pequeno povoado e ver isso é uma coisa rara naquele lugar.
-Vamos tente novamente, e para de chorar suas falhas ai, Tua amiga acredita no teu trabalho, apenas seja delicado com o gelo e use um pouco de água para molda-lo não muito para derreter por completo o gelo junto a suas ferramentas...

OFF: Tente novamente.
avatar
Saphira Odin
Transcendente
Transcendente


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pensão Nevasca

Mensagem por Isabella Witherfang em Seg 21 Set 2015 - 23:37

Isabella não recuou diante da reação do rapaz, por conta de sua educação impecável, mesmo que ele não a retribuisse. Apesar disso, estranhou. Ironicamente, aquela pergunta seria uma das mais básicas a se fazer quando se conhece alguém. Decidiu responder, mesmo que ele não tivesse perguntado o seu nome.


  — Sou Isabella. Isabella Witherfang. – fitou o homem, que sequer olhava em sua direção.


  No entanto, esboçou um meio sorriso quase imperceptível quando Adil decidiu tentar esculpir o bloco de gelo novamente. A menina observou atentamente os movimentos do mesmo, com esperança de que conseguisse. 


  Entretanto, muita força foi aplicada, assim como antes. A escultura se rompeu, mas dessa vez a reação do escultor foi diferente. Ele agora se mostrava irritado, e não parecia que planejava tentar novamente. Dirigindo algumas palavras a ela, o espadachim deixou o estabelecimento. Ela acreditava que conseguiriam alguma coisa, mas se sentiu mal por ele. Era perceptível que os resultados falhos também não eram esperados pelo mesmo e, por mais que ele devesse tentar novamente, ela não poderia culpá-lo por estar decepcionado.


  — Você poderia tentar novamente, só precisa se adaptar ao material. Ou então, eu poderia perguntar para aquela senhora se eu posso fazer algo para pagar nossa hospedagem. O que você acha? – ela sorriu, ligeiramente triste diante da possibilidade de ficar sozinha novamente.


  O jovem deixou o estabelecimento, e as donas do local o chamaram em seguida, pedindo para que ele tentasse novamente. Apesar de ter feito o mesmo, a guerreira já não tinha mais tanta esperança quanto antes de que ele retornasse e voltasse a tentar. Esperava que ele, ao menos, aceitasse sua proposta.


  A garota se dirigiu ao balcão, desta vez sozinha, pensando numa proposta para algo que ela mesma pudesse realizar. Mesmo sem saber de alguma de suas habilidades que fossem úteis para Kari e sua filha, decidiu perguntar.


  — Haveria alguma coisa que eu pudesse fazer para conseguir a hospedagem? Dessa forma, talvez meu companheiro não precise procurar algo em outro local.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pensão Nevasca

Mensagem por Adil Borkan em Ter 22 Set 2015 - 0:20

ᅝᅝᅝᅝAdil estava deixando o estabelecimento, quando lhe chamaram novamente. Naturalmente não daria atenção, mas por mais orgulhoso que fosse ele não poderia negar que aquela mulher estava certa. Ele então parou seu trajeto e apertou os punhos, refletindo bem sobre o que deveria fazer. Após alguns instantes, finalmente cedeu e retornou até o estabelecimento.


ᅝᅝᅝᅝQuando voltou, Isabella falava com uma das balconistas, mas Adil as interrompeu antes mesmo que pudessem conversar melhor. Mesmo orgulhoso e sem admitir a imaturidade de sua última atitude, decidiu aceitar uma terceira e última tentativa.


ᅝᅝᅝᅝ- Não fale comigo desta maneira. - Pronunciou-se, com um olhar firme para a balconista. - Farei uma escultura que pagará a estadia de todos os seus hóspedes. Apenas espere. - Disse, de maneira que era possível notar a confiança que retomara. Em seguida, dirigiu-se para Isabella numa rara ocasião em que olhou-a diretamente. - Você também. Peço que espere aqui para que eu possa me concentrar, não devo demorar. - Pediu, inconscientemente falando algo que lhe constrangeria segundos depois. Antes que qualquer um pudesse notar isso, entretanto, ele virou-se e foi até o cômodo onde haviam mais blocos de gelo. 

 
ᅝᅝᅝᅝPor lá, se colocaria próximo do bloco de gelo mais distante da porta. A presença de Isabella deixava Adil constrangido, e talvez se ela não estivesse olhando ele conseguiria se concentrar melhor. O que mais vinha em sua mente no momento, entretanto, era o nome que ela pronunciara momentos atrás. Era um belo nome de fato, e que combinava com a guerreira. Adil não sabia por que mas precisava suceder, não só por si mesmo mas também porque agora se importava com aquela garota que a pouco tempo conhecera. Inspirado novamente, ele recomeçou seu trabalho, agora com uma forma diferente.
avatar
Adil Borkan
Aprendiz
Aprendiz


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pensão Nevasca

Mensagem por Isabella Witherfang em Ter 22 Set 2015 - 16:21

Isabella aguardava a resposta da balconista, quando Adil retorna ao local. Em poucos segundos, ele estava ao seu lado novamente, dizendo à balconista que tentaria novamente.


  A garota mostrou-se surpresa pela volta do rapaz. Ao mesmo tempo, se alegrou. Não por falta de vontade de procurar uma forma de pagar sua estadia, e sim porque desejava a companhia dele, por mais que ele mal a olhasse.


  O espadachim lhe disse algumas palavras, pedindo para que permanecesse lá até que ele acabasse, o que foi, no minimo, intrigante. Sem demonstrar reação nenhuma, respeitou o nervosismo do rapaz, decidindo não acompanhá-lo até a sala onde os outros blocos se encontravam.


  — Tudo bem. Eu aguardo aqui, então. Boa sorte! – assentiu com a cabeça, sorrindo.


  Observou enquanto ele se afastava, em direção à sala, até que o perdeu de vista. Acreditava que agora ele conseguiria.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pensão Nevasca

Mensagem por Adil Borkan em Ter 22 Set 2015 - 17:13

ᅝᅝᅝᅝE então Adil começou seu trabalho, desta vez mais concentrado e paciente. Depois de duas tentativas, já se acostumara um pouco com aquele material que ele via pela primeira vez, com o qual jamais pensara que trabalharia. Com o tempo, entretanto, aquele bloco de gelo foi tomando uma bela forma e sua aparência transparente atraiu o escultor.


ᅝᅝᅝᅝApós cerca de uma hora, estava tudo praticamente pronto. Aquele imenso bloco de gelo agora dava lugar a dois pares de coelhos delicados e bem esculpidos. Mesmo anteriormente frustrado e irritado, Adil ainda assim alegrou-se novamente com a vinda de um bom resultado. Custara, mas o aventureiro aprendera a esculpir um novo material, e depois de tão cansado ele poderia passar a noite num local aconchegante com um jantar incluso. Estava satisfeito que o talento que ele sempre desejou levar como profissão finalmente fora útil.



ᅝᅝᅝᅝNão levou os coelhos junto consigo quando deixou a sala devido a seu grande tamanho e temperatura baixa do gelo escultura, mas sua expressão de satisfação deixava evidente o resultado positivo.



ᅝᅝᅝᅝ- Você pode nos dar a chave de seus quartos. Sua escultura está nos fundos daquela sala. - Disse, com a face coberta de pó de gelo resultado da escultura. Estava tremendo por conta do frio que os blocos de gelo nele provocavam, mas se mostrava contente dessa vez, e o clima não era um motivo para abalar sua satisfação.



avatar
Adil Borkan
Aprendiz
Aprendiz


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pensão Nevasca

Mensagem por Saphira Odin em Qua 23 Set 2015 - 8:29

Adil Borkan & Isabella Witherfang

Isabella vendo que seu 'amigo " havia desistido de tentar seu trabalho, ela vai até o balcão escutava o que a dona falava e antes da mesma a responder, Adil voltava para o estabelecimento falava algo a dona do lugar e seguia para a sala tentar novamente esculpir o gelo, mas desta vez ele foi sozinho não queria ser incomodado por ninguém, o resultado do seu trabalho foi um casal de coelhos, e por incrível que parece tinha ficado perfeito, em meio ao dialogo do "casal" a dona do estabelecimento sorria de satisfação dando lhes a chave dos quartos, sua filha os levava para seus respectivos quartos que constituía de um bau. Logo que se acomodaram em seus quartos foi lhes dado um casaco de peles para suportar o frio do lugar, a janta seria mais tarde , quanto isso a aguá morna já estava preparada para o banho de cada um se assim desejasse, claro em banheiros separados.

OFF: 10 XP já adicionado perfil.
avatar
Saphira Odin
Transcendente
Transcendente


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pensão Nevasca

Mensagem por Isabella Witherfang em Sex 25 Set 2015 - 18:22

Isabella aguardou pacientemente. Notou que o companheiro estava demorando mais do que nas outras vezes que havia tentado, o que poderia ser um bom sinal. Quando ele retornou, parecia satisfeito com o resultado obtido, e assim o informou para as donas do estabelecimento.


  A guerreira, curiosa, se dirigiu à sala onde as esculturas se encontravam. Ficou surpresa ao avistar um casal de coelhos, esculpidos de forma impecável no gelo. Retornou para o balcão, onde Kari e a filha a esperavam. Lhe entregaram as chaves de seus respectivos quartos, e a menina tremia de frio. No caminho para o quarto, acompanhados pela filha da senhora, Isabella decidiu que já era a hora de comentar com Adil sobre sua escultura.


— Foi uma ótima decisão tentar de novo, sua escultura ficou ótima. Parabéns, eu tinha certeza de que você conseguiria. – sorriu, sincera, enquanto fitava o rapaz.


  Se separaram, indo para quartos diferentes. A moça preparou a água para que tomasse banho. A garota se dirigiu ao banheiro, tomando um longo e relaxante banho. Ao terminar, vestiu as mesmas roupas que usava antes, porém agora usando um casaco de pele que lhe fora dado. Deitou na cama de seu quarto para descansar e aguardar a hora do jantar que lhes seria servido.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pensão Nevasca

Mensagem por Adil Borkan em Sab 26 Set 2015 - 19:13

ᅝᅝᅝᅝAdil nada mais disse, apenas observou quando Isabella foi checar sua escultura e divertiu-se quando a mesma mostrou-se surpresa diante da arte. Mesmo precisando de três tentativas para realizar o trabalho, parecia que ainda assim havia agradado a todos ali, era o que ele pensava enquanto seguia a balconista até o quarto onde passaria a noite.


ᅝᅝᅝᅝMas o que importava mesmo para Adil não era o reconhecimento, e sim que ele finalmente teria tempo para parar um pouco e descansar, ou ao menos era isso que parecia. Isabella, entretanto, contatou-o uma vez mais enquanto ele rumava para seu dormitório.
ᅝᅝᅝᅝ
— Foi uma ótima decisão tentar de novo, sua escultura ficou ótima. Parabéns, eu tinha certeza de que você conseguiria.

ᅝᅝᅝᅝEssas palavras puderam, após tanto tempo, fazer Adil sorrir, principalmente porque lembrou-o de sua mãe - a única que o amara e que um dia apoiara seu sonho de levar a arte como profissão. Esse sorriso, entretanto, durou pouco e não foi acompanhado de nenhuma palavra. O espadachim diante das congratulações foi capaz apenas de confirmar com a cabeça em sinal de agradecimento. 


ᅝᅝᅝᅝUma vez dentro do quarto, a primeira coisa que Adil fez foi deitar na cama diante de si e manter-se ali por alguns minutos. A viagem, a busca por trabalho e as tentativas de esculpir gelo o haviam deixado exausto, mas como ainda sentia fome não poderia dormir ainda.



ᅝᅝᅝᅝBanhou-se então por um bom tempo, o que o revigorou um pouco, e durante o banho, pensou nas palavras proferidas por Isabella. Qual seria a intenção daquela moça afinal? Por que ela confiava tão facilmente em alguém como ele? Adil era acostumado com um ambiente de traição e oportunismo ao redor de si, e qualquer ato de simpatia ou benevolência eram completamente estranhos para o espadachim. Mesmo sem entender a educação, sentiu-se obrigado a retribuí-la, e foi aí que decidiu ir até a moça.



ᅝᅝᅝᅝVestindo suas roupas padrão e o casaco oferecido, Adil deixou seu quarto e rumou até aquele que acreditava ter visto que Isabella entrou. Relutou por alguns minutos, mas em certo momento ele cedeu e finalmente bateu à porta.



ᅝᅝᅝᅝ
avatar
Adil Borkan
Aprendiz
Aprendiz


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pensão Nevasca

Mensagem por Saphira Odin em Sab 26 Set 2015 - 19:58

OFF: Vou deixar com vocês no dialogo, mas vou premiar pelo desenrolar do mesmo. No mais assim que eu achar necessário continuo a narrativa beleza. >^.^<
avatar
Saphira Odin
Transcendente
Transcendente


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pensão Nevasca

Mensagem por Isabella Witherfang em Sab 26 Set 2015 - 21:22

Enquanto deitada, Isabella pensava sobre tudo o que havia acontecido naquele dia e, principalmente, sobre o que se seguiria pela manhã. A ideia continuava não lhe agradando muito, mas eles não tinham outra opção.


  Logo, já pegava no sono, mesmo com fome. Ela evitava insistentemente fechar os olhos, mas acabou cedendo. Cochilou por alguns minutos, até que algumas batidas na porta a despertaram.


  Por um momento, achou que fosse Filla ou até mesmo Kari, avisando que o jantar estava servido. Afinal, não sabia quanto tempo havia passado desde que havia ido para seu quarto. Demorou um pouco até conseguir reunir todas as suas forças e levantar, despertando parcialmente o sono.


  Se dirigiu até a porta lentamente, destrancando-a. Em seguida, a abriu. Não pôde conter a expressão de surpresa que tivera ao ver Adil parado do lado de fora do quarto.


  — Boa noite – disse, sonolenta.


  Nem imaginava o que levara o rapaz a vir ao seu encontro, então apenas aguardou que ele dissesse o que pretendia.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pensão Nevasca

Mensagem por Adil Borkan em Seg 28 Set 2015 - 19:03

ᅝᅝᅝᅝAdil havia chegado até ali, mas não sabia nem ao menos o que iria falar, e foi se tocar disto apenas quando a bela guerreira abriu a porta. Ao julgar pela feição da moça, o espadachim acabara de despertar seu sono, o que o fez considerar ir embora.


ᅝᅝᅝᅝSua interrupção e desconforto de ter ido até lá sem nem ter o que dizer renderam-lhe um extremo nervosismo, e isso ficou evidente pelo tempo que ele passou boquiaberto e imóvel diante de Isabella, enquanto apenas analisava-a sem saber o que fazer. Eis que deu conta do quão ridícula deveria estar aquela cena, e retomou a postura rapidamente de um jeito desengonçado que não fora mostrado até então.


ᅝᅝᅝᅝ- B-Boa noite - Pigarreou enquanto se recompunha. - Eu... acho que devo-lhe desculpas quanto à minha desistência. - Disse a primeira coisa que lhe pareceu viável naquele momento, enquanto evitava ao máximo olhar nos olhos da mulher. 

ᅝᅝᅝᅝNão demorou para que Adil se arrependesse da ideia e se achasse tolo de incomodar Isabella enquanto esta descansava sem nem ao menos ter um pretexto para a conversa. Com isso, ele decidiu apenas fazer com que parecesse um simples pedido de desculpas e cruzou os braços numa postura orgulhosa e formal. Com isso, talvez, ela talvez apenas aceitasse e não se enfurecesse pela interrupção desnecessária.
avatar
Adil Borkan
Aprendiz
Aprendiz


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pensão Nevasca

Mensagem por Isabella Witherfang em Seg 28 Set 2015 - 20:07

A garota esfregou os olhos, tentando despertar ao menos parcialmente o sono. Por mais que tentasse, não conseguia ler a expressão do rapaz à sua frente, que a encarava. Para ela, aqueles minutos de silêncio pareciam horas. Quando ele finalmente disse algo, foi apenas um pedido de desculpas por conta de sua desistência.


  "Então ele ainda estava pensando naquele assunto?", pensou, estranhando.


  Arqueou as sobrancelhas. Não por estar zombando de Adil, apenas por perceber que eles realmente não se conheciam nem um pouco. Se ele a conhecesse, saberia bem que ela não é e nunca foi uma pessoa rancorosa. Pelo contrário, a guerreira muitas vezes mostra-se até ingênua demais. Por outro lado, admirou a atitude do companheiro. Para Isabella, isso mostrava que ele se importava ao menos um pouco com ela.


  Sorriu, ainda meio embalada pelo sono.


  — Não se preocupe com isso, está tudo bem. Fico feliz que tenha nos ouvido e tentado de novo. – disse calmamente, fitando os olhos do espadachim, que pareciam perdidos.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pensão Nevasca

Mensagem por Adil Borkan em Seg 28 Set 2015 - 22:14

ᅝᅝᅝᅝDe acordo com a visão de mundo que tinha Adil, o máximo que conseguiria naquele momento seria que ela não ficasse furiosa com a interrupção. Isabella, entretanto, surpreendeu-o e foi até mesmo gentil.


ᅝᅝᅝᅝ"- Mas... essa garota é um pouco estranha. Por que ela é tão simpática e ingênua de falar comigo tranquilamente sem nem ao mesmo me conhecer?" - Era o que se passava na mente do espadachim.


ᅝᅝᅝᅝPor conta da maneira como fora criado, a educação e a gentileza não existiam para ele. Sem entender mais as atitudes da moça, decidiu perguntá-la diretamente o porquê de confiar num desconhecido daquela maneira.


ᅝᅝᅝᅝ- Como você pode ser assim? - Perguntou, franzindo o cenho. Sua postura mudou, e dessa vez ele deslizava o polegar pela barba grossa, como sempre fazia diante de algo para o qual não tinha resposta. Ao perceber que poderia soar confuso, resolveu explicar sua indagação. - Eu digo... Você mal sabe meu nome, e confiou em mim para garantir sua estadia e para acompanhá-la numa missão amanhã! Como sabe que sou digno de sua confiança?
avatar
Adil Borkan
Aprendiz
Aprendiz


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pensão Nevasca

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum